AFETO | UM DIA NO COLÉGIO COM A VOVÓ

Avós reunidas no prédio da Educação Infantil

Aproveitando a leitura do paradidático A bisa fala cada coisa, as professoras do Pré propuseram um chá no colégio.

Avós reunidas para vivenciar um dia com os netos no Certus

Avós reunidas para vivenciar um dia com os netos

O encontro foi muito prazeroso.

Iniciado com um bate-papo, o roteiro teve visita aos espaços do Certus, rodas de conversa sobre o livro e troca de conhecimentos das frases citadas no livro.

Eu gostei do dia
porque 
foi muito legal
e teve bolo

Emily Salvino Deodato – Pré A1

As avós puderam ainda fazer atividades com as crianças, finalizando a visita com um delicioso chá.

Avó orienta neto do Pré da Educação Infantil Certus a fazer lição

As professoras Priscila Kellner, do Pré A1, Maria José dos Santos (Pré A2), Jacqueline Marinho (Pré B2), Ariane Rocha (Pré B1) e Ana Paula Bertolino (Pré B3) desenvolveram a ação como parte do trabalho de atividades realizadas com o paradidático, que faz parte do projeto Balaio de Leitura.

A ação antecedeu o evento Vivência Pedagógica 2017. Uma dia de literatura, com rodas de conversa, palestras e autógrafos com autores, intervenções artísticas, encenações teatrais e muitas experiências.

De Carmen Lúcia Campos, A bisa fala cada coisa retrata a história de uma garotinha que tenta compreender o significado das expressões ditas pela bisavó. Frases como batata da perna, céu da boca, dedo de prosa levam a criança imaginar inusitadas situações.

Durante a Vivência Pedagógica 2017, a autora contou na palestra como foi o processo de criação do livro.

Confira abaixo um trecho da palestra.

Carmen Lúcia Campos, autora do livro "A bisa fala cada coisa", paradidático dos Pré's, explica o processo de desenvolvimento da obra e a escolha das gírias na palestra da Vivência Pedagógica 2017.#VivênciaPedagógica2017 #NósSomosAsas #NósSomosAssim #EuVivoCertus #EscolasTransformadoras

Publicado por Colégio Certus em Sábado, 6 de maio de 2017

Confira como foi o evento da Vivência Pedagógica.

Veja mais fotos.

TAGs: #chádasvovós #EducaçãoInfantil #abisafalacadacoisa #carmenlúciacampos #VivênciaPedagógica #Nóssomosassim #Nóssomosasas #ColégioInterlagos #EscolaInterlagos #EscolaCidadeDutra #ColégioCidadeDutra

COMPARTILHE:  

LEIA TAMBÉM em Fundamental

RIMAS | ADOLESCÊNCIA EM POEMAS

Alunos declamam poesia no Hall da Biblioteca do Certus

Últimas

Pequeno Príncipe e Peter Pan são encenados pelo Tecer, grupo de Teatro do Certus tendo a infância como tema permeador das duas peças teatrais

INFÂNCIA | PEQUENO PRÍNCIPE E PETER PAN ENCERRAM A TEMPORADA DE ESPETÁCULOS DO TECER

| 2017, Eventos, Primeira Linha, TECER | No Comments

Apresentadas no final de novembro e começo de dezembro no Certus, encenações trouxeram ao público adaptações que exploraram novas possibilidades de espaço cênico. Quando o escritor francês Antoine de Saint-Exupéry…

Folclore é trabalho com caça ao tesouro tendo a lenda do Muiraquitã como tema em aula de português para alunos do Fundamental do Certus

FOLCLORE | CAÇA AO TESOURO DA LENDA MUIRAQUITÃ

| 2017, Fundamental | No Comments
Uma experiência diferente do Folclore com jogo. Com a lenda do Muiraquitã, professora de português cria uma atividade dinâmica para os alunos dos 6ºs anos. Usamos a nossa imaginação Ágatha Viana...
Estudo do meio possibilita aos alunos do Fundamental estudarem na prárticas as teorias de geografia, ciências e história no município de Bertioga da baixada santista de São Paulo

BERTIOGA | ESTUDO DO MEIO DE ECOSSISTEMAS

| 2017, Destaque, Estudo do meio, Fundamental | No Comments

Turmas do Fundamental viajam para o município pertencente a baixada santista do estado de São Paulo. A experiência foi uma oportunidade para alunos estudarem na prática a importância da preservação…

Na aula de português do fundamental do Certus, 6ºs e 7ºs anos dramatizam os roteiros criados pelos alunos para aprofundar o estudo de inglês

LINGUAGEM | DRAMATIZAÇÃO PARA FORMAÇÃO CULTURAL

| 2017, Fundamental | No Comments

Na disciplina de português, professora Sandra trabalha o Teatro como ferramenta de aprendizagem. O aluno tem liberdade para elaborar o roteiro de acordo com seus conhecimentos e dramatizar a história….

Leave a Reply